30 novembro, 2010

MARIA CÂNDIDA I

Saravá, cybernavegantes do aquém, do além e dos alhures!
Peço perdão pelo sossego involuntariamente concedido a vocês. Por isto mesmo, não vou descarregar a metralhadora (que tá entupida até o beiço), ainda. Fica pra depôsi, como diz o MANEZIM (please, excuse my MINER'S accent) da ILHA.
Estivemos, minha patroa mais eu, fora do ninho para que o mesmo começasse a ser preparado para Maria Cândida, que se encontra no camarim materno e sobe ao palco em abril.
Por enquanto, aí vai a primeira que compus pensando nela. Pensando, não; sentindo. Ela, que há de relevar a lerdeza deste bardo chinfrim, fã de quebrar pé de verso.
Divido convosco.
{8¬)


quem vem lá?

ó
mar
ia
cândida
espuma
vibrar
r
rebento
arrebenta
no costão inglês

mágica ilha
acolhedora
mãe

quem sejas
tua é a hora

é o que deseja
o braço meu
teu
pai


lagoa, floripa, 16/10/2010



Ps. 1 - o formato do poema não é bem este, mas não sei como colocar no blog com o alinhamento que compus;
Ps. 2 - sempre tem mais alguma coisa nos HYPERLINKS: clique sem medo!

16 comentários:

José Carlos disse...

Quebrou bem, amigo, e a filhota já pode se orgulhar, mesmo sem entender - ainda! E o formato acidental ficou bacana! =D

Anônimo disse...

Parabens pelo poema e principalmente pela vinda de Maria Candida. Abracao e toda felicidade do mundo pra voces. Teno + canallondres.tv

Fabio Cequinel disse...

Ao meu ver a 'quebra' do texto veio para melhor. Ficou muito bom e até deu mais vida ao texto!
Parabéns!

Lua disse...

Maria Cândida já começa a receber belos presentes! Lindo o poema!

Nágila disse...

Lindo...Lindo...Lindo!!
Parabéns a vocês...pelo amor...pela vida...e o que não podia faltar ... pelo poema...lindamente inspirado!!

Bem-vinda...Maria Cândida!!

***MissUniversoPróprio*** disse...

Parabéns, lindo poema e linda será essa nova vida que está sendo "cultivada", pra "brotar", exuberante, em breve. ;)

=)

mosaicosocial, o blog da + Mosaico Negócios & Comunicação disse...

Nossa, homi, mininu, isso é que é expor sua fratura! Que coisa mais linda, mais cheia de graça, Maria Cândida, que virá e que, com a graça de todos os Santos e de Deus, trará alegria, e encherá os corações de mommys e pappys de mais amor ainda. Que delicia! Realmente uma parada no mar de loucura que é o dia da gente. Valeu :D Está valendo e valerá por toda uma vida! :D Parabéns, MAN! Parabéns! :D

Gilberto disse...

Amigo, gostei muito e quero convidá-lo para participar lá do Ateliê, no meu blog. http://alameda1976.wordpress.com/atelie/
Abraços!

Lucimara disse...

Gostei muito!

fernando pires disse...

e aí Véio, sou meio lento e não entendi direito "no Costão Ingles", mas tudo bem...neste barco que Maria Cândida vai navegar; Que DEUS seja o único comandante.
Pra ela beijos, e pra voce Parabéns.......

bete disse...

Lindos versos. Maria rima, Maria Cândida brilha. Nós estamos te esperando.

Anônimo disse...

Quem vem lá? É ela!!!!!! Maria Candida arrebentando nos ingleses. Já é muito bemvinda. Beijão, cumpadi.

Silvia

Dudé disse...

Parabéns "mermão" e "bunitinha"...
Que Maria Cândida traga ainda mais inspiração para nos deliciarmos com belos poemas!!
Muita saúde e paz para vocês.

Anônimo disse...

Estamos aguardando ansiosamente.
Lindo tio.
Um grande beijo aos 3.
Marina

Ivete disse...

Aí segue a minha:

Cândida Flor

Na Ilha da Magia
Tudo se transforma
Risos, alegria
A vida se renova
A mãe espera
O pai aguarda
Sopro divino
Brisa suave
Ambiente acolhedor
Um encontro marcado
No jardim encantado
A desabrochar Maria
Cândida flor

Ivete Leite, 30 de dezembro de 2010.

Gislaine Ribeiro disse...

Que coisinha mais linda, Shaça! Parabéns pela filhota!!! Vocês capricharam!! bjo