10 março, 2011

DIA DAS MULHERES (MAIS UM)

Mesmo que atrasadim, quero postar um poema composto em agradecimento a estas criaturas (e criadoras) sem as quais nada do que há, haveria: as gurias.
Desejo que gostem.
{8¬)


"pra tu vê

deus
um cabôco de muita paciência
(um trem que poderia ter feito num vapt-vupt
acabou por levar uma semana da sua santa eternidade!)
fez o mundo e as coisas todas:
as paradas, as móveis e as imóveis
fez o homem
(os imóveis inventaram os automóveis)
e de uma lasca deste
fez a mulé

pronto o serviço
deu um passo pra trás
enxugou o suor da testa
(embora o sol só tivesse uma semana de brilho
tava de rachar mamona)
admirou aquela sua obra-prima
(até pensou umas besteiras mas...)
sorriu satisfeito e disse:
- cuida deste trem todo pra mim, minha filha

no sétimo dia
criou as férias e partiu pra curtir uma ilha famosa
chegou a ser visto flanando pela noite do centrinho da lagoa
(embora ninguém o tenha fotografado
há quem jure ter ouvido um cabel(barb)udo exclamar
ao ver um semelhante a enfiar sementes num barbante:
- jisuis! haja paciência!)

tava feito o paraíso

não fosse este bando de cornos
(alguns estabelecidos
outros candidatos a)
que teimam em não obedecer as gerentas
a gente tava nadando de braçada"


Ps.: talvez eu até já esteja repetindo este poema aqui no blog; de toda maneira, aí vai novamente.


8 comentários:

Lili disse...

Adorei!!!!

Luciana Casseb disse...

Bela homenagem! Muito bom!

Mack disse...

Gozado! No bom sentido, claro!

Via Palhoça disse...

Ah eu tenho certeza que Deus escutou meus pensamentos quando lia a sua homenagem as mulheres e ele disse "É este é cara!" Mandou bem na homenagem, um obrigada enorme de todas as mulheres do VIA PALHOÇA =)

Anônimo disse...

Essa mistura com as letrinhas, que são a nossa paixão, você faz de forma admirável! O resultado? ah.. o resultado é deleite em estado puro!

Carmem Magalhães

LUÍS ABRIANOS disse...

Que sensibilidade, muito bom!

(((Flávia))) ♪♫ disse...

Ahahahahhaha!! Adorei!!! Mui divertida essa sua homenagem! =))

Mara Farias disse...

Obrigada pela homenagem hehehehe
Muito bom a relação de Deus com a mulher sem aquele velho discurso machista e autoritário que os homens fazem ao mencionar o criacionismo!

xero

A Cara da Poesia