20 agosto, 2006

e então?!
inquire-me incisivamente
o auto van gogh no retrato

vêm-me os olhares
no plural mesmo
das mulheres de quem gosto, gostei e gostarei
“- eita! o cabra num é fraco!", diria a massa
a maioria
tristes porque desejosas
vivazes? poucas
poucos olhares são vivas asas (snif!)

um vampiro alimenta a si de vida
e vida não importa qual
olhares: gasolinas de minha vida cometa

a queda pelos olhares
de quem acompanhada mal está
parei
hoje sigo
gato escaldado com medo de corrimão
e sem-vergonha de ser sem

então...
então sou só mais uma vela que passa
não velo por ninguém

como tu
van nunca em vão
meu mais um irmão holandês

Floripa, 19/03/04

2 comentários:

aNNa disse...

BRAVO!! BRAVÍSSIMO !!! POETA!!

Luis H disse...

Muito bom Shasça, ta arrebentando. Queira dar o ar da sua graça aqui em Jundiaí, ou em Campinas, agora eu to na moradia estudantil. Abração