13 setembro, 2006

o olhar da flautista

paira
por sobre
entre
no
tom
atenta
aflita
suave
como a pausa
necessária ao som

o olhar da flautista
por onde flui
hein, Tom?

(drakkar, lagoa, 09/12/04)

2 comentários:

madalena disse...

::
dá vontade de ter olhares expressivos de flautistas.
de pôr a partitura sobre as pernas cruzadas e levantar a cabeça só pra ser notada desatinada.
essa tua flautista é meio desatinada.
me fazem bem flautistas desatinadas.
que olhar desatinado!

.

madalena disse...

::
gosto também que tem olhos de quem foi

.